FRASE DA SEMANA (mande a sua)

Na maioria das vezes somos causadores das nossas próprias desgraças!!! "Nogueira"

terça-feira, 3 de março de 2009

DDS - CINTO DE SEGURANÇA FROUXO OU FOLGADO

Cinto De Segurança mal ajustado
HSE
8 de Julho de 2008

O que aconteceu:
Um empregado estava usando o cinto de segurança muito frouxo e para piorar o talabarte não tinha amortecedor de impactos. No momento em que sofreu a queda demorou algum tempo até que o empregado fosse resgatado da sua posição de queda. Tendo em vista que o cinto de segurança não estava adequadamente ajustado no corpo, o operário estava suspenso pelas pernas, e as cintas de fixação do cinto de segurança estavam apertando o seu escroto e em conseqüência da queda, seus testículos foram empurrados para fora do saco escrotal. Foi necessária una cirurgia de 4 horas para fechar o ferimento. Menos visível nas fotos (nos dois lados) encontra-se lacerações horizontais no escroto causadas pelas cintas do cinto de segurança. Não se sabe até o momento se o dano é irreversível, mas pode-se imaginar a dor e o sofrimento do operário ficar pendurado com o seu cinto de segurança demasiadamente frouxo.




Lições aprendidas:
• Requerer no Plano de Segurança que os usuários de cinto de segurança recebam capacitação adequada sobre como se deve usar e ajustar o cinto de segurança.
• Examinar os usuários no seu primeiro período no canteiro de obras com relação ao seu conhecimento sobre o uso e os riscos dos cintos de segurança. Adotar as medidas adequadas caso sejas necessárias. Havendo dúvidas, não permita que se continue usando o cinto de segurança até que se compreendam as instruções.
• Em suas inspeções enfoque especificamente o uso do cinto de segurança.
• Exija / dê uma palestra de segurança sobre “como colocar, como ajustar, como usar, como inspecionar os cintos de segurança” na primeira vez por parte dos empregados da obra.
• Exija sempre que as pessoas estejam 100 % do tempo presas com o talabarte em ancoragens seguras enquanto fizerem trabalhos em altura.
• Pense e discuta as possibilidades de resgate durante a preparação da APT / APR, a fim de incrementar a consciência dos usuários caso alguma coisa não ocorra bem.

“Tenha consciência e seja cuidadoso”

8 comentários:

Ana Paula disse...

Boa tarde!
Sou técnica em segurança do trabalho e estou impressionada com este acidente!
Quero parabenizar por divulgar esse tipo de notícia,para reforçarmos ainda mais em treinamentos todos os cuidados que deve se tomar,especialmente com trabalho em altura.

Anônimo disse...

me chamo cyntia faço um curso de tec de segurança do trabalho ,ja vi muitos acidentes orripilantes mas como este é de um espanto enorme ,bom que esse ascidente esta sendo ilustrado assim as pessoas tem mais conciencia e usem o cinto adequadamente !

Roberto Luiz disse...

Olá!
Meu nome Roberto Luiz Costa Vaz, sou Técnico de segurança do Trabalho atuei no Rio de Jnaeiro em uma empresa de Fundição atualmente Trabalho na Usina Hidrlétrica de ITapebi BA, certificada pela OSHAS 18001, todos os dias pela manhã realizamos o dds e tods ficamos muito impressionado com este incidente, pois a partir deste realizaremos treinamentos de utilização de EPI periodicamente.

zara_azevedo disse...

É de suma importância a divulgação de imagens de lesões de consequências do acidente de trabalho, para que possamos trabalhar a consciência do nosso colaborador e sensibilizar o uso adequado do EPI.
Gostaria de receber as fotos, estou com atividade de trabalho em altura, e existe uma resistência do uso do cinto adequado do cinto de segurança.Apesar que já estou levando estas mesmas p/ eles.
Muito Grata, acompanho seu trabalho e estou aprendendo muito com vc.
Zara Vaz/TST

André NOGUEIRA disse...

Ok pessoal. obrigado pelo incentivo!!!

Rafael disse...

Extremamente útil estas imagens. É comum vermos nos canteiros de obras trabalhadores utilizando cintos com folga.Estas imagens com certeza farão os trabalhadores rever seus procedimentos.

Anônimo disse...

Boa tarde,

Sou técnica em segurança do trabalho e fiquei impressionada com o acontecido, tenho muitos funcionários que utilizam o cinto de segurança. gostria de poder divulgar esse acidente mostrando as imagens, se puder me encaminhar agradeço!!!

Carlos Eduardo disse...

Nogueira,
Impressionante esse acidente, demonstra claramente a real necessidade de ajustes no equipamento antes do início das atividades em altura, bem como uma checagem pelos responsáveis hierárquicos. Se possível me envie esse material para que possa utilizar em diálogos de segurança, junto aos trabalhadores na empresa onde trabalho. Sou da construção civil em Campinas.
att,
Carlos Eduardo
Técnico de Segurança
emorais.eduardo@gmail.com